A cultura árabe é uma das mais ricas e originais do mundo. As festas impressionam pela beleza e pela preservação das tradições. Das celebrações, o casamento é, sem dúvida, a festa mais bonita e mágica, que combina cores, rituais simbólicos, danças envolventes e mesa farta. O cortejo árabe é marcado pelas simbologias, e as festas costumam durar três dias. Cada um é marcado por uma prática diferente.

 Primeiro dia – Contrato entre os noivos

 O primeiro dia é reservado para a cerimônia oficial, quando acontece a troca de alianças e o contrato de casamento entre os noivos.

 

Alianças com gravação árabe

Segundo dia – A preparação da noiva

O segundo é dedicado à noiva e nele,a mulher é produzida para o casamento. São feitas as famosas tatuagens de henna nos pés e nas mãos, que simbolizam o amor e a alegria. De acordo com as tradições árabes, elas trazem fortuna e felicidade aos pares. Uma curiosidade é que as tatuagens só podem ser feitas por mulheres solteiras. Após este ritual, a noiva só pode sair de casa no dia do casamento.

                                                                             Segundo dia de celebração é dedicado a prepação da mulher

 

                                                                             Tatuagens de henna só podem ser feitas por mulheres solteiras

Terceiro dia – A esperada festa de casamento

No terceiro e último dia, é realizada a festa de casamento. Na data, geralmente são convidadas muitas pessoas e a comida é abundante. Como o consumo de bebida alcoólica não é permitido, é comum que existam muitos doces – um combustível para que a festa não tenha fim.

 

O momento mais marcante da festa de casamento árabe é a chegada da noiva. Quando o salão está cheio, ela aparece sentada em um trono suspenso. Para completar, os convidados jogam pétalas de rosa sobre ela.

                                                    Assim como em outras culturas, a chegada da noiva é um dos momentos mais esperados

As estrelas da festa

As noivas árabes são sempre deslumbrantes e para isso, chegam a usar até sete vestidos diferentes durante seus casamentos. O primeiro vestido é obrigatoriamente branco e o último também costuma ser, mas com modelos bem diferentes do que estamos acostumados no Brasil .Um dos vestidos deve ser verde e os outros são de decisão da própria noiva.

O primeiro vestido da noiva árabe deve ser obrigatoriamente branco

Os modelos de vestidos são bem diferentes dos brasileiros, não acham? As outras cores são de decisão da noiva, mas geralmente são bem coloridos

                                                                                   Na maquiagem árabe, os olhos são bem marcados

 Detalhes da cerimônia

A cerimônia de casamento é marcada pelas danças típicas, que animam muito os convidados. Os noivos costumam apreciar a festa em dois tronos, um ao lado do outro, enquanto todos curtem a comemoração. Após o coquetel de recepção dos convidados, homens com espadas adentram o salão, com a tradicional dança das espadas.

                                                                                                                   Dança das espadas

Eles são seguidos por bailarinas, que realizam a Dança do Candelabro com castiçais na cabeça e velas acesas. Além de visualmente bonita, esta dança tem o significado de iluminar o caminho e trazer prosperidade ao casal. Ao final da dança, geralmente os noivos apagam todas as velas do candelabro das bailarinas para receber sorte.

Os trajes das bailarinas são determinados pelo casal. Em geral são discretas, como vestidos que cobrem todo o corpo ou o véu sobre a tradicional roupa de dança do ventre.

Depois de uns 3 minutos de música, os noivos são recebidos pelos convidados, e realizam a primeira dança do casal ao som de música árabe e um clima de muita alegria.

                                                                                                                  Recepção dos noivos

 As festas são muito animadas e marcadas por ritmos envolventes!

Ao término do jantar, a banda árabe dá prosseguimento a festa e é realizada a tradicional dança das cadeiras ou a dança onde os convidados levantam os noivos.